O magnífico Gavião-caramujeiro

O gavião-caramujeiro, também chamado gavião-de-uruá e gavião-pescador, é um gavião paludícola, da família dos acipitrídeos.

 https://curiosidadeanimal.bioorbis.org/2019/07/magnifico-gaviao-caramujeiro.html
O magnífico gavião-caramujeiro. Fonte da imagem: es.wikipedia.org

Família: Accipitridae
Nome cientifico: Rostrhamus sociabilis
Plumagem: o macho tem plumagem pardo-escura e cauda branca já a fêmea com uma plumagem marrom-escura.
Área: Flórida até Argentina e Uruguai, incluindo o Brasil.
Alimento: Caramujo aruá.
Ninho: base de gravetos e arbustos.
Ovos: 3-4; brancos com pontos marrons.
Estado de conservação pela IUCN: pouco preocupante.

É uma ave de rapina exclusivamente malacófago, encontrado em locais pantanosos da América tropical e temperada. A espécie mede cerca de 41 cm de comprimento. Possui bico muito adunco.

Mais especializado de todos os raptores, alimenta-se só de caramujos do gênero Pomacea, o aruá de vegetações alagadiças. Na Flórida chegou a ter até 20 aves, mas está se recuperando, agora sob proteção.
Vive em grupos em brejos, lagoas e pastos alagados. Movimentos migratório - É parcialmente migratório. Em algumas regiões do Brasil costuma migrar em resposta às mudanças climáticas e disponibilidade de alimentos.

Para finalizar veja um vídeo do nosso canal BioOrbis, sobre 🐦 As AVES do Museu de História Natural da UFMG - Parte #2:


Comentários