A cobra-nariguda

 Essas engraçadas cobras tem esse nome devido a seu focinho alongado.

Imagem de Ram Pangeni por Pixabay

Nome científico: Ahaetulla nasuta
Tamanho: 2 m
Habitat: florestas tropicais
Distribuição: Sudeste da Ásia
Alimentação: lagartos, sapos, mamíferos pequenos
Reprodução: vivípara, ninhadas pequenas

Também conhecidas como cobra de videira comum e cobra de nariz comprido, é uma esbelta cobra verde encontrada na Índia, Sri Lanka, Bangladesh, Birmânia, Tailândia, Camboja e Vietnã.

Não deve ser confundida com a espécie Oxybelis fulgidus, "cobra verde" encontrada na América Central e do Sul. Em Tamil, é conhecido como pachai paambu; em Marathi , é conhecido como cobra shelati, entre dezenas de outros nomes vernáculos.

Leia também:

Características gerias das cobras-narigudas


Essas cobras tem hábitos diurnos e são levemente venenosas. São espécies arborícolas, alimentando-se de sapos e lagartos usando sua visão binocular para caçar. É uma espécie de cobra com movimentos lentos, confiando na camuflagem como uma videira na folhagem. Elas expandem seu corpo quando perturbada para mostrar uma marcação em preto e branco. Além disso, eles podem abrir a boca na exibição de ameaças e apontar a cabeça na direção da ameaça percebida. São as únicas espécies de cobra com pupilas horizontais, comparadas às pupilas verticais normais encontradas em muitas espécies de víbora.

O nome Ahaetulla em cingalês significa ' arrancador dos olhos'. Ele ganhou esse nome, e nomes semelhantes nos vernáculos tâmil e indiano, devido à crença equivocada de que atinge os olhos.


O efeito do seu veneno


Os ingredientes do veneno são desconhecidos. O veneno é moderadamente potente e pode causar inchaço, dor, hematomas, dormência e outros sintomas locais, que desaparecerão em três dias. Mordidas próximas à cabeça, olhos e outras áreas vitais podem ser graves.

Comentários